Todas as Instituições, novas ou velhas, prestam homenagens aos seus colaboradores pelo trabalho realizado ao longo dos anos.

O Colégio de Lamego não foge a esta regra social e histórica.

Qualquer Sociedade ou Instituição deve ser, e mostrar-se, agradecida com os seus servidores, neste caso mais do que isso, porque formam uma comunidade educativa, onde o educar não é um simples transmitir de conhecimentos, mas é sobretudo formar o homem nas suas diferentes vertentes, ou seja, na sua totalidade.

Formar exige de todos um empenhamento e uma dedicação que não tem preço. É uma doação total à causa da educação.

O Colégio de Lamego presta justa homenagem a todos os que o servem: Direção, Professores e Prefeitos.

Todos os professores, que completem vinte e cinco de serviço contínuo, são homenageados pela comunidade educativa. Homenagem simbólica, sem dúvida, mas sinal de reconhecimento por todos aqueles que usufruíram dessa ação meritória que é: Educar.

Esta homenagem consta do descerramento de uma fotografia na sala de professores e da entrega de uma  medalha de mérito.

A Homenagem ocorrerá no dia 15 de Novembro, com a celebração de uma Eucaristia solene de ação de graças seguida de  um almoço de confraternização.

Também os alunos que ao longo dos anos beneficiaram e foram objeto do desvelo e carinho destes professores, manifestam o seu reconhecimento ao realizar as reuniões de antigos alunos.

Assim se mantêm vivos os laços, que se criaram e perduram ao longo dos tempos, e que se vão perdendo nos escaninhos da memória.

São a salvaguarda destes valores, que se vão transmitindo de geração em geração, que fazem com que o “velho casarão” regurgite de vida. Todos vamos aprendendo uns com os outros, para atingir os objetivos que nos propomos que são: Formar e Educar.

São estas manifestações que, de certo modo, gratificam e vão dando ânimo para continuar a lutar a todos aqueles que, dia e noite, se entregam à bela e nobre arte de educar.

Difícil sem dúvida, mas gratificante!

Pe. Avelino M. Silva O.S.B

 

 

MATRÍCULAS EM CURSO: 1.º ao 12.º ano de escolaridade

Ensino Secundário - Cursos Científico-Humanísticos

- Curso de Ciências e Tecnologias;

- Curso de Ciências Socioeconómicas;

- Curso de Línguas e Humanidades.

Regime de externato, semi-internato e internato

Vestuário do Colégio

Consulta preços e tamanhos

na secretaria do Colégio

 


Educar Hoje,

A educação consiste em levar o homem a tornar-se cada vez mais homem, a poder ser mais e não só a poder ter mais. Consequentemente, a que, através de tudo o que tem e de tudo o que possui, saiba ser mais plenamente homem com os outros e para os outros.” A semente não germina ou não se desenvolve convenientemente, mesmo sendo boa, quando o ambiente não é propicio ou o encarregado do campo o esquece. A vitalidade da planta vem da semente, mas está condicionada pela terra boa ou má e pelo cuidado de quem a trata. Não depende tanto dos outros como o homem: antes durante e depois do nascimento. O homem, sendo social por natureza, só em sociedade se pode desenvolver como homem.(“O menino selvagem” de Truffaut) Por isso, e este o terceiro aspeto, o ambiente e os educadores que rodeiam o educando têm uma importância incalculável no processo educativo.

Pe. Avelino Silva-OSB

BT Google Maps

Go to top
JSN Boot template designed by JoomlaShine.com